sexta-feira, 6 de setembro de 2013

Kico - NSK

 Imagem
Escritor de Graffiti a 10 anos, Kico representa o grupo NSK, e é referencia no Wild Style no Rio Grande do Sul, confira a entrevista abaixo:

NEST: Fale um pouco sobre seu começo no graffiti?
KICO: Comecei a curtir a parada la por 2002, quando comecei a frequentar a torcida organizada do grêmio, pirava nas faixas, nas bandeiras da torcida, e pintava algumas com a galera do meu bairro, na torcida também tinha uma galera que fazia pixação, e graffiti, ali comecei a conhecer o barato e a curtir, desenhar minhas letras e a ver o role dos caras que eu conhecia na rua, foi oque me deu o impulso pra começar, la por 2004 quando fiz meu primeiro bomb, dali em diante só foi, no começo mais tag, pixação e throw ups, até desenvolver meu estilo foi um bom tempo.

NEST: Qual sua linha de trabalho e como você define seu trampo?
KICO: Eu faço Wild Style, o mesmo que se vê no filme Style Wars, porem misturando com características da nova escola, pra não ficar pra traz, o importante é manter a base forte, graffiti original é letra!

NEST: Quais são suas inspirações hoje e quais foram no seu começo?
KICO: No começo eram as faixar e bandeiras de torcida, e as pixações dos caras da torcida, hoje são escritores da velha escola, como Dondi, Case2, Seen, Daze, Cope2, Dez, Shame e various outros da escola Americana.

NEST: Como você observa a cena do graffiti em Porto Alegre?
KICO: Porto Alegre é da hora, vários caras correndo pela parada.

NEST: Como você observa o graffiti com a relação a cultura Hip Hop, e qual a relação você tem com os outros elementos as cultura?
KICO: O graffiti se distanciou do Hip Hop, assim como o Rap, logico que muita gente se mantém fiel a essência, mas em geral não tem mais nada a ver com oque foi idealizado, ambos se distanciaram da essência da parada, eu me vejo como alguem que pode manter a raiz forte, sem ficar ultrapassado.

É Isso ae galera, vamo que vamo, Hip Hop don't stop, Wild Style na veia, salve Nest Panos e toda a galera do breaking, um salve!

Nenhum comentário: