sexta-feira, 30 de maio de 2014

Entrevista Mixa - Funk Fockers

Buscamos compartilhar a cultura e o ideal de pessoas reais que acreditam nela, esperamos que com isso mais pessoas criem conceitos e comecem a olha-la como realmente ela é. Não que tudo que for falado aqui seja uma verdade absoluta, cada um tem uma vivência e seu estilo de vida, mas acreditamos que a partilha dessas idéias, vivências e opiniões é o que movem a cultura Hip Hop e a mantém viva. No final da entrevista uma playlist por ele!
Obrigado! Com vocês Mixa, Funk Fockers.



Nest - Como e quando você começou na cultura?

Mixa - Comecei em 2003 fazendo uma oficina de graffiti na minha quebrada,rolava todos os  domingos de manhã em uma boate, lá rolava oficinas de  Dj, Mc, Graffiti e Breaking! Aí começou tudo.

Nest - O que te fez prosseguir no breaking?

Mixa - A satisfação e a evolução mental, pessoal e física que obtive por meio de experiências com o breaking e obtenho até hoje, essa arte me faz muito feliz!

Nest - Funk Fockers já foi um tanto ''radical'' ou vc usaria outra palavra? Oque fez mudar sua visão?

Mixa - Eu usaria radical mas também pode-se dizer que éramos e somos fiéis no que acreditamos,creio que evoluímos muito (funk fockers) e minha visão esta em constante mudança ,acho que se mudamos algo foi porque evoluímos, o breaking é uma ferramenta para nossa evolução pessoal e espiritual também,acredito que temos que lapidar nossa essência cada vez mais, a evolução não pode parar.

Nest - Projeto Sujo, sua autoria? Qual a ideia e o objetivo dele?

Mixa - A princípio era uma ideia que eu tinha a algum tempo, começou com o vídeo, queríamos aproveitar a repercussão  dele e então surgiram ideias para um espetáculo, eu tinha em minha mente algumas imagens e o clima que queria, dai pra frente foi um trabalho em grupo.
Não sei bem o seu objetivo na verdade tento manter as imagens vivas e o público sente de sua maneira, o espetáculo se comunica com cada pessoa de uma maneira diferente,acho que essa é a real intenção, provocar e instigar o público.

Nest - A cena nacional e mundial principalmente no quesito eventos, como você vê?

Mixa - A cena nacional no termo eventos, ainda esta carente, vejo poucos eventos que valorizam a essência, mas também estamos em um processo de evolução, muitos dos organizadores não são bboys e não fazem parte da cultura Hip Hop, e isso acaba desencadeando eventos superficiais com foco em premiações  e viagens (muito importante esse tipo de incentivo) mas existem outras coisas que devem ser  prioridades e acabam ficando em segundo plano.
Fora do brasil o que muda é que eles tem mais dinheiro,mais incentivo cultural por meio de verbas e projetos, mais também muitas vezes não são bboys organizando então cometem o mesmo erro, particularmente eu fui a 1  evento que eu dancei até o joelho pedi água foi a CIRCLE KINGZ,mas todos os outros tiveram momentos muito bons e que fizeram eu evoluir bastante.

Nest - Vc já esteve no Battle in the Cypher 2 vezes, numa como competidor e em outra como jurado qual a diferença e oque observou no evento?

Mixa - Battle in the Cypher as duas vezes que eu colei eu dancei muito,até os osso doer rsrs, tanto como jurado ou só competindo o que eu observei foi que estão cada vez mais organizados e agregando mais coisas, tudo sem perder a essência e o principal objetivo: se divertir e compartilhar ideias e cyphers. Vejo também uma preocupação em difundir a cultura e estar sempre valorizando as raízes,eu curti muito.



 Nest - Recado pra quem treina, pra quem dança, compete, executa, toca, pinta ... Hip Hop em geral:

Mixa - Minha mensagem é... Busque evoluir sempre, em sua vida, seu relacionamento com as pessoas, família, animais, porque tudo isso influencia em sua dança e vice e versa, faça de coração  e sempre de o seu máximo, seja crítico (consigo mesmo) e sempre veja tudo pelo lado positivo, isso vai te alimentar de uma maneira positiva e saudável,busque informação, não engula tudo que o sistema exige(pode se interpretar de maneira literal) e rum rum rummmmm
PEACEEEEEEE
MIXA FUNK FOCKERS GANG REPRESENTZZZZ!!


Algumas músicas selecionadas a dedo, cerca de 25 sons que para ele, indispensáveis! Confere e dá o play!


The GZA - Liquid Swords 


Wu-Tang Clan - C.R.E.A.M.


El Michels Affair - C.R.E.A.M.


WU TANG CLAN vs THE BUDOS BAND - Scorpion Style


The Budos Band - T.I.B.W.F. (2005)


The Budos Band - Budos Rising


Greyboy - The Real


Greyboy - Freestylin - Singles Party


The Funky Drummer


James Brown - She's the one


James Brown - Can Mind


Incredible Bongo Band - In-A-Gadda-Da-Vida


Johnny Pate - You Can't Even Walk In The Park - ABC SG 0022 


Booker T. & the MG's - Melting Pot


J.J. Johnson - Willie Chase


The Herbaliser - Goldrush


Horace Silver - Señor Blues


Sun Ra - That's How I Feel.


Shlohmo - Things I Lost


Shlohmo - Places


Blindfold


Marvin Gaye - Mercy, Mercy Me


Marvin Gaye - What's Going On


Al green - How Can You Mend A Broken Heart.


3 comentários:

Aprecie com Moderação disse...

Real Hip Hop,Fresstaly de corpo e alma ! Parabéns .

Nest Panos disse...

da hora a entrevista. Coolture!

Nest Panos disse...

cypher da vico.

https://www.youtube.com/watch?v=JxXki9y9W4c&feature=youtu.be